A BÍBLIA

A Bíblia, é um livro singular. Declara vir de Deus e suporta análises. O Alcorão: não tem base histórica. Não tem profecias cumpridas. O Evangelho Segundo o Espiritismo, fala da vida corpórea em Marte e Saturno. O propósito da Bíblia é revelar o plano de Deus aos homens para a sua salvação. Não nos fala de Deus, mas em nome de Deus.

O seu estudo deve ser criterioso. Evitar o afogadilho, (lê-la em 2 dias por exemplo). Um modismo atual em muitas igrejas é copiar a Bíblia a mão. Pensarmos que a conhecemos é um problema. Outro: é usá-la como texto de prova de nossos conceitos e doutrinas. É necessário entender o contexto sócio-histórico. Não vamos estudar passagem por passagem, mas compreender o contexto para darmos uma correta interpretação.

O relacionamento entre o Velho Testamento e o Novo Testamento, é muito relegado em nossas igrejas. O Velho Testamento é bastante rico. É a Palavra de Deus. Os escritores do Novo Testamento chamam-no de "Escritura": Gl 3:8 e II Pe 1:10-21. Jesus assim considerava: Mt 22:29. Nutria respeito: Mt 4:1-10.

O Novo Testamento vê o Velho Testamento como um testemunho sobre Cristo. Os Sermões em Atos estão repletos de textos do Velho Testamento. Exemplos: 2:17, 25 e 34; 3:22 e 24. São chamados de testimonia. Alguns eventos históricos do Velho Testamento são vistos como símbolos proféticos pelo Novo Testamento:

    1. a travessia do mar Vermelho é um símbolo do batismo cristão (I Co 10:1-2);

    2. a conquista de Canaã é vista como descanso espiritual do povo de Deus (Hb 3 e 4);

    3. o êxodo de Israel é aplicado a Jesus (Os 11:1 e Mt 2:15).

A Bíblia Hebraica é o nosso Velho Testamento. Possuia 24 livros em 3 grupos: Lei, Profetas e Escritos.

  • Os livros da Lei são: Gênesis, Êxodo, Levítico, Números e Deuteronômio. Este grupo de livros é denominado também de Torá que quer dizer: instrução ou lei.

  • Os Profetas dividem-se em Primeiros e Posteriores: Primeiros: Josué, Juízes, Samuel e Reis.
    Posteriores: Isaías, Jeremias, Ezequiel e os Doze (um volume).

  • Os Escritos são: Salmos, Provérbios, Jó, Os Cinco Volumes, Daniel, Esdras juntamente com Neemias e Crônicas.

    Somando-se dão 20. Tira-se os Cinco Volumes (chamados de megilôth) e conta-se cada um deles: Cânticos, Rute, Lamentações, Eclesiastes e Ester. Cada um era um livro distinto, embora aglutinados. Assim dava um total de 24, que corresponde ao dobro de 12, número que é o símbolo de religião organizada. Tinham caráter festivo e eram lidos nas festas judaicas.

    Cânticos: Na Festa da Páscoa;
    Rute: Na Festa das Semanas ou Pentecoste;
    Eclesiastes: Na Festa dos Tabernáculos
    Ester: Na Festa do Purim
    Lamentações: No aniversário da destruição de Jerusalém.

    VOLTAR